Concurso de Poesia - 2016/2017


AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SAMORA CORREIA
2016/2017


Concurso de Poesia dinamizado pelas BibliotecasEscolares

REGULAMENTO DO CONCURSO DE POESIA


No intuito de fomentar o gosto pela poesia, pretendem as Bibliotecas Escolares instituir o “Concurso de Poesia”.
Esta edição do presente concurso decorrerá no ano lectivo de 2016/2017, sendo o seu regulamento o seguinte:


Artigo 1.º
(Objeto)

Com o objetivo de criar e consolidar hábitos de leitura e de escrita, de promover a poesia e valorizar esta expressão literária, é criado o “Concurso de Poesia”, dinamizado pelas Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas de Samora Correia.


Artigo 2.º
(Condições de admissão)

Podem concorrer todos os elementos da comunidade educativa do Agrupamento de Escolas de Samora Correia, sendo os mesmos divididos pelos seguintes escalões:
                - 1º escalão: alunos do 1º ciclo
                - 2º escalão: alunos do 2º ciclo
                - 3º escalão: alunos do 3º ciclo
                - 4º escalão: restantes elementos da comunidade educativa - pessoal docente, pessoal não docente, pais e encarregados de educação e entidades parceiras do agrupamento.


Artigo 3.º
(Tema)

À quarta edição deste concurso poderão os participantes apresentar poemas subordinados aos seguintes temas:
                - “Ajuda, amizade ou alegria?”
                - Tema livre

Artigo 4.º
(Divulgação do concurso)

O anúncio do concurso será feito no sítio electrónico do Agrupamento de Escolas de Samora Correia – www.a-e-s-c.info e também noutros locais (Jornal e Blogue do Agrupamento de Escolas de Samora Correia…).



Artigo 5.º
(Natureza dos trabalhos)

O género literário elegível para o efeito deste concurso é a poesia em língua portuguesa.

Artigo 6.º
(Participação)

Os participantes podem concorrer com um poema, ficando à sua escolha o tema – “Ajuda, amizade ou alegria?” ou Tema Livre.
Os participantes podem, também, concorrer com, no máximo, dois poemas, sendo obrigatoriamente um por cada tema.


Artigo 7.º
(Prémio)

O prémio deste concurso será de um cheque-livro para o 1º lugar de cada um dos escalões.


Artigo 8.º
(Admissibilidade dos trabalhos)

São admitidos a concurso apenas trabalhos inéditos e não publicados, escritos em português e entregues directamente nas Bibliotecas Escolares, pelos próprios autores ou seus representantes.


Artigo 9.º
(Critérios de admissão)

Os trabalhos de poesia referentes a este concurso terão de ser apresentados com um mínimo de 9 (nove) linhas (uma nona, ou duas quadras, por exemplo) e um máximo de 30 linhas, incluindo as linhas em branco, sendo que entre os versos não pode haver linhas em branco consecutivas, exceptuando a separação do corpo com o título do poema, que é facultativo.
No caso de o poema não apresentar título, designa-se “poema sem título”.
É obrigatória a identificação do tema dos poemas apresentados a concurso.


Artigo 10.º
(Confidencialidade dos concorrentes)

Os concorrentes entregam o(s) poema(s), nas Bibliotecas Escolares do Agrupamento, juntamente com a Ficha de Inscrição que se encontra disponível no sítio electrónico do Agrupamento de Escolas de Samora Correia –  www.a-e-s-c.info.


Artigo 11.º
(Direitos de autor)

Ao participarem neste concurso, os autores assumirão a cedência de autorização de publicação dos mesmos, quer durante o concurso, quer em publicações posteriores eventualmente desenvolvidas pelo projeto.


Artigo 12.º
(Prazos)

O concurso rege-se pelos seguintes prazos, que poderão ser alterados se, entretanto, forem cumpridos todos os parâmetros, sem que disso resulte prejuízo para os participantes:
a) Até 20 de Janeiro de 2017 – Receção dos Poemas nas BE do agrupamento
b) Até 24 de fevereiro de 2017 – Análise/Seleção dos poemas
c) Em março de 2017 – Semana da Leitura – Divulgação dos Vencedores


Artigo 13.ª
(Parcerias)

Este concurso poderá realizar parcerias com outras entidades ou pessoas, individuais ou coletivas, públicas ou privadas, desde que salvaguardando o prestígio do mesmo, sendo que não interferirão neste regulamento, com as exceções dos seguintes aspetos:
a) Aumento do número de vencedores, eventualmente, atribuindo outros lugares;
b) Aumento da divulgação do concurso;
c) Realização de cerimónia de apresentação dos vencedores;
d) Colaboração em publicações posteriores das obras a concurso, premiadas ou não premiadas.


Artigo14º
(Ordenação dos Poemas)

Durante o período de receção, nas Bibliotecas Escolares, os poemas serão numerados por ordem de entrada, de acordo com a data registada na receção, e serão entregues aos membros do Júri para apreciação por essa ordem, até ao limite de 100, ou até terminar o período de receção.


Artigo 15.º
(Condicionamentos do concurso)

O concurso só se realizará se obtiver um número mínimo de 10 participantes e será limitado a um número máximo de 100 participantes, englobando todos os escalões referidos no artigo 2º deste regulamento.


Artigo 16.º
(Constituição do Júri)

O Júri do Concurso de Poesia é composto por:
                 - Um representante dos docentes do 1º ciclo
                 - Um representante dos alunos (3º ciclo)
                - Um representante da Associação de Pais do Agrupamento de Escolas de Samora Correia;
                - Um representante do grupo disciplinar de Português do Agrupamento de Escolas de Samora Correia;
                - Um representante da direção do Agrupamento
               
O número de membros do Júri não pode ser inferior a cinco.
Das decisões do júri não haverá quaisquer reclamações.




Artigo 17.º
(Contactos)

Todos os contactos referentes a este concurso serão efetuados presencialmente, por correio eletrónico, telefone ou telemóvel.


Artigo 18.º
(Casos omissos)

Os casos omissos serão supridos e decididos pelo júri deste concurso.

Artigo 19.º
(Entrada em vigor)

Este Regulamento entra em vigor imediatamente após a sua publicação e está disponível no sítio electrónico do Agrupamento de Escolas de Samora Correia – www.a-e-s-c.info, no Blogue http://bibliotecas-aesc.blogspot.pt/ e nas Bibliotecas Escolares do Agrupamento.


28 de outubro de 2016
A equipa das BE

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Onde moram (mais) as coisas.

Onde moram as coisas

O Dia da Segurança do Computador